Toffoli nega pedido de Paraty para bloquear reservas por Airbnb e Booking

Compartilhe!

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Dias Toffoli, negou um pedido da prefeitura de Paraty para bloquear as ofertas de hospedagem pelas empresas Airbnb e Booking.

A decisão contraria o desejo do município de suspender as reservas nesses sites como forma de restringir a circulação de pessoas e evitar a propagação do novo coronavírus.

Toffoli considerou que, ao contrário do que alega a prefeitura, a manutenção do funcionamento das empresas virtuais não configura risco de lesão à saúde pública.

Leia a notícia completa no Valor Econômico

Redação

Site de notícias da região da Costa Verde fluminense: Angra dos Reis, Mangaratiba e Paraty.