Facebook tira do ar perfil Fake que atacava pré-candidata a vereadora

Compartilhe!

O Facebook retirou do ar no final do mês passado um perfil Fake que atacava a pré-candidata a vereadora por Angra dos Reis, Fabíola Oliveira. Segundo informações, a empresa já forneceu informações que ajudarão a identificar o autor das postagens, que deverá ser responsabilizado por crimes como calúnia e difamação.

O autor deste perfil falso começou a série de ataques no mês de Abril, logo após Fabíola expressar seu desejo de ser pré-candidata a uma cadeira na Câmara Municipal. As publicações eram mentirosas e extremamente ofensivas.

Na noite do dia 15 para o dia 16 de abril de 2020, fui surpreendida com telefonemas e mensagens de amigos através do aplicativo WhatsApp me informando que um perfil no Facebook de nome “Bianca Neves” realizou uma publicação no Grupo de Compras, Vendas e Informação de Angra dos Reis cuja possuiu 41 mil membros, noticiando em meu desfavor inúmeras inverdades, atacando minha honra e reputação usando palavras de baixo calão sem quaisquer comprovação fática das alegações, afirmou Fabíola no registro policial nº1662020/154843-03.

Fabíola chegou a denunciar a postagem ao próprio Facebook como sendo de conteúdo impróprio e mesmo assim a rede social não retirou o conteúdo do ar. Por conta disso, a pré candidata registrou ocorrência na Polícia e, por meio de seus advogados, entrou com uma ação na Justiça com o objetivo de retirar o material do ar e identificar o autor. No último mês de Maio o Juiz Dr. Ivan Mirancos, da 2ª Vara Cívil em Angra dos Reis deferiu uma liminar para que o Facebook efetuasse o bloqueio do perfil de “Bianca Neves”.

No último dia 31, os advogados do Facebook informaram ao Judiciário que a empresa retirou o perfil e as postagens do ar. A rede social forneceu ainda números de telefone, emails e outras informações que possibilitarão que a pessoa que cometeu o crime seja identificada e responsabilizada.

Redação

Site de notícias da região da Costa Verde fluminense: Angra dos Reis, Mangaratiba e Paraty.