Coronavírus: Angra investiga três mortes

Compartilhe!

Nesta sexta-feira, 24, Angra dos Reis confirmou 67 casos do Novo Coronavírus, um aumento de mais de 100% no número de casos em uma semana. Três mortes estão sendo investigadas no município.

Até a noite desta sexta-feira, 24, o município de Angra dos Reis registrou 676 casos com suspeita clínica de infecção pelo novo Coronavírus, sendo 67 casos confirmados. Vinte e oito pessoas testaram positivo em exames feitos pelo Laboratório Central Noel Nutels (Lacen) e 39 pelo teste rápido. Desses, 64 estão em isolamento domiciliar e três estão internados.

Ressalta-se que 78 casos foram descartados por meio de exames do Lacen e 531 permanecem em investigação. A classificação de casos suspeitos no momento é a seguinte: 521 estão em isolamento domiciliar, sete estão internados e três óbitos estão sendo investigados. A terceira morte suspeita é de uma senhora de 54 anos, com comorbidade, que deu entrada na unidade de saúde com insuficiência respiratória.

Há uma semana, no dia 17, Angra tinha 33 casos confirmados, 487 suspeitos e 69 casos descartados. Outros três óbitos já foram descartados desde o início da pandemia.

Vale destacar que a Prefeitura de Angra não divulga números importantes, como o total de testes rápidos realizados até o momento, o percentual de Leitos Ocupados nas unidades de Saúde e as altas médicas registradas.

Pacientes já são considerados curados em Mangaratiba

Já Mangaratiba registrou até esta sexta-feira, 24, 147 suspeitas clinicas de infecção pelo novo coronavírus, sendo 34 confirmadas, 36 já descartadas. 77 aguardam análise laboratorial. Dois óbitos foram confirmados por Covid-19 na cidade.

Um total de 31 pessoas ainda está em quarentena em casa e outras 5 permanecem internadas, uma no hospital municipal e quatro em hospital de referência.

Os primeiros casos de internação severa, onde os pacientes precisaram de auxílio respiratório, tiveram alta e podem ser listados como curados da Covid-19. Outras 100 pessoas tiveram alta após isolamento domiciliar de 14 dias, não tendo manifestado mais os sintomas da doença, mesmo que os exames ainda não tenham chegado para concluir se estes contraíram ou não o Covid-19.

Do total de suspeitas clínicas de infecção, 18 são de profissionais de saúde, sendo 13 confirmados. Por isso a Secretaria de Saúde adotou um protocolo para troca de plantão.

Redação

Site de notícias da região da Costa Verde fluminense: Angra dos Reis, Mangaratiba e Paraty.