Brasil ultrapassa a triste marca de 500 mil mortos por Covid
Compartilhe!

O Brasil chega à marca de meio milhão de mortos pela Covid-19 neste sábado (19), segundo registros oficiais das secretarias de Saúde dos estados reunidos pelo consórcio de veículos de imprensa. O número real, porém, deve ser ainda maior, já que nem todos os infectados fazem o exame para detectar a presença do coronavírus.

Às 14h15 deste sábado, o país contou 1.401 mortes e 20.483 novos casos da doença, elevando o total de óbitos para 500.022, e o de casos, para 17.822.659.Com isso, o Brasil torna-se o segundo país a ultrapassar os 500 mil mortos. Antes dele, os Estados Unidos superaram essa cifra e, no dia 15 de junho, passaram de 600 mil óbitos. A diferença é que, por lá, mais de 148 milhões de norte-americanos (45% da população) estão imunizados; por aqui, são cerca de 24 milhões de brasileiros (11% da população).

466 pessoas foram vítimas do Covid em Angra

Em Angra dos Reis soma-se, desde o início da Pandemia até a última sexta-feira (18), 466 mortos pela doença. Outros quatros óbitos seguem sob investigação. Ao todo, o município de Angra dos Reis apresentou 71.698 casos notificados. Até ontem foram confirmados 15.052 casos de coronavírus. Destes, 14.011 estão recuperados.

Ao todo 949 casos foram descartados e 55.697 permanecem suspeitos (síndromes gripais), sendo 1.864 em isolamento domiciliar e 53.833 são considerados recuperados.

A vacinação em Angra segue no ritmo da chegada de vacinas. Até ontem, 47.969 pessoas receberam a primeira dose da vacina e 19.750 receberam a segunda dose do imunizante.

Especialistas ressaltam a importância de que todos tomem vacinas e mantenham medidas de higiene, como lavar as mãos, o uso de máscaras e, sempre que possível, mantenham o distanciamento social.

Com informação da Folha de São Paulo e da Prefeitura de Angra.