As Malditas no Teatro Municipal de Angra dos Reis

Compartilhe!

Estreia da peça de Júnior Dantas e Maykon Renan promete ser a grande atração do mês de setembro.

A programação do mês de setembro do Centro Cultural Theophilo Massad está repleta de boas opções, e uma delas é a estreia da comédia “As malditas”, com os atores Júnior Dantas e Maykon Renan, que após um ano longe do teatro angrense retornam ao palco do teatro municipal. A apresentação será no final de semana dos dias 16, 17 e 18 de setembro, às 20h. A classificação é de 12 anos, e os ingressos custam R$ 15 (antecipado e meia entrada), e estão à venda no açaí King (Rua da Conceição / Centro) e bilheteria do teatro.

– Desde a nossa última apresentação no teatro municipal de Angra com a peça “Eu nunca disse que prestava”, ficamos com um gostinho de quero mais. Apesar da carreira ter nos levado para fora de Angra, se apresentar aqui é sempre muito gostoso, e o público é muito receptivo – disse Júnior Dantas, que desde 2009 vive no Rio de Janeiro, atuando na companhia O Mondé, da atriz Inez Viana.

A nova peça da dupla promete arrancar muitas gargalhadas e trazer novidades para o público angrense. Desta vez, parte da plateia vai ficar sentada no palco vendo tudo de perto. Os atores vão contar a história sem usar adereços e o DJ angrense Guilherme ST, que já fez parte da Boy Band P9, fará participação especial, responsável pela trilha musical do espetáculo.
Maykon Renan, outro ator muito conhecido do público angrense, celebra a volta ao palco do Centro Cultural.

– Minha última apresentação aqui foi com o espetáculo na “Na cama com a Madrasta”. É sempre bom sentir o calor do público de casa aqui nesse palco. É como se renovássemos a nossa energia para seguir a nossa estrada – declara Maykon, que desde o início do ano se reveza entre projetos de teatro e TV, em Angra e no Rio de Janeiro.

O figurino é assinado pela estilista Eliane Vicentine e produzido pela produtora de moda Fabiana Rabelo, do programa Prateleira de Estilo. A direção é do ator Adren Alves, que já dirigiu a dupla em “Eu nunca disse que prestava”, a luz foi desenhada por Gustavo Valente e o texto é assinado por Saulo Queiroz.

SINOPSE

“As malditas” é uma tragicomédia baseada na relação entre duas irmãs: Margarida e Rosa. A primeira, uma analfabeta, viúva, pobre e fanática por religião; a segunda, uma professora universitária aposentada, apreciadora de música clássica e paralítica. O diálogo começa com trivialidades entre as personagens. O enredo torna-se mais denso, com cada personagem esmiuçando seus dramas e expectativas frustradas na vida. As duas evidenciam a dualidade drama/comédia presente o tempo todo no espetáculo. Até que o destino fez a desfeita de uni-las sob um mesmo teto. Numa convivência em pé de guerra, as duas lavam a roupa suja no palco, para o deleite da plateia.

AS MALDITAS – FICHA TÉCNICA:

Elenco: Júnior Dantas e Maykon Renan

Texto: Saulo Queiroz

Direção: Adren Alves

Trilha Musical: DJ Guilherme ST

Figurinos: Fabiana Rabelo e Eliane Vicentine

Cenário e iluminação: Gustavo Valente.

Redação

Site de notícias da região da Costa Verde fluminense: Angra dos Reis, Mangaratiba e Paraty.