Vale embarcou 22,7 milhões de toneladas de ferro na região

A Vale embarcou mais de 22,7 milhões de toneladas (Mt) de minério de ferro de janeiro a março deste ano pelos seus terminais portuários localizados na Costa Verde do Rio de Janeiro. 

No Terminal da Ilha Guaíba (TIG), em Mangaratiba, os embarques de minério de ferro alcançaram 19,2 milhões de toneladas nos primeiros três meses de 2018. Já a Companhia Portuária Baía de Sepetiba (CPBS), em Itaguaí, foi responsável pela movimentação de 3,4 milhões de toneladas no mesmo período. 

Para suportar as operações locais, a Vale desembolsou (entre custeio e investimento) US$ 25,4 milhões na Costa Verde do Rio de Janeiro entre janeiro e março de 2018. Os recursos foram destinados à área de logística. Investimentos socioambientais no Estado somaram US$ 100 mil no período. 

Minério de ferro 

A produção de minério de ferro da Vale atingiu 82 milhões de toneladas no primeiro trimestre do ano, ficando 4,2 milhões de toneladas e 11,4 milhões de toneladas abaixo do primeiro e último trimestres de 2017, respectivamente, devido principalmente à decisão da gestão da empresa de reduzir a produção de minério de menor qualidade, reforçando o posicionamento da Vale como produtora premium e resultando na maior realização de preços e melhor margem. O período de chuvas mais intenso também impactou a produção trimestral. 

O Sistema Sul, localizado em Minas Gerais e cuja produção é escoada pelos terminais da Vale na Costa Verde do RJ, produziu 18,5 milhões de toneladas de minério de ferro entre janeiro e março deste ano.

Comentários