Últimas noticias e informações sobre Angra dos Reis (Continente e Ilha Grande), Mangaratiba e Paraty.

Reunião pública debate a questão do emprego em Angra

Na próxima quarta-feira, 2 de dezembro, às 17h, o Centro de Estudos Ambientais da Praia da Chácara (CEA), sediará uma reunião para debater a questão do emprego em Angra, em especial por conta das demissões que estão ocorrendo no estaleiro Brasfels, resultado da falta de pagamentos da Sete Brasil. Para o encontro, organizado pela Prefeitura de Angra dos Reis em parceria com o Sindicato dos Metalúrgicos, foram convidados sindicalistas, associações, lideranças comunitárias e políticos da região.

Segundo informações do Sindicato dos Metalúrgicos, nesta semana foram demitidos cerca de 500 trabalhadores, sendo que nos próximos dias o estaleiro deve demitir mais 1.500 funcionários. Se os números se confirmarem, a Brasfels vai ficar com 4.500 trabalhadores. De acordo com o sindicato, de janeiro a outubro 1.600 pessoas foram demitidas na indústria naval em Angra dos Reis. Com essas novas demissões, o número subiu para 2.100 funcionários demitidos.

ENTENDA O CASO

Em julho de 2012, o estaleiro Brasfels foi contratado pela Petrobras para construir seis plataformas flutuantes de perfuração. A intenção era que as seis sondas se juntassem a outras 15 encomendadas pela Sete Brasil e que deveriam ser entregues a partir de 2016.

Segundo informações do Sindicato dos Metalúrgicos, há aproximadamente um ano o estaleiro não recebe pagamentos da Sete Brasil, e a dívida do grupo com a Brasfels é de cerca de U$ 1,5 bilhão. Ao jornal Folha de São Paulo, a Sete Brasil informou que para regularizar os pagamentos depende da aprovação por parte da Petrobras do seu plano de reestruturação.

SERVIÇO:

Reunião Pública sobre o emprego em Angra

Data: 2 de dezembro

Horário: 17h

Local: Centro de Estudos Ambientais da Praia da Chácara – avenida Jair Toscano de Brito s/n, Praia da Chácara, Angra dos Reis/RJ.

Comentários