Últimas noticias e informações sobre Angra dos Reis (Continente e Ilha Grande), Mangaratiba e Paraty.

REGIÃO PODERÁ GANHAR CADEIA

CARCERAGEMQuatro novas cadeias públicas, que somarão 2.250 vagas, serão construídas pelo governo do estado para reduzir o déficit de vagas existentes e instaladas nas regiões Centro-sul, Serrana, Costa Verde e Baixada Litorâneas. A previsão é que as novas unidades fiquem prontas até o fim de 2014.

O governo já investiu mais de R$120 milhões e está reformando mais sete unidades, ampliando em mais de 3 mil vagas no sistema penitenciário, nos últimos seis anos.

O Rio de Janeiro será o primeiro estado a adotar o fim das carceragens em delegacias de polícia. O secretário de Administração Penitenciária, Cesar Rubens Monteiro, disse que essas novas unidades prisionais diminuirá a superlotação em outras unidades prisionais.

“A Secretaria de Estado de Administração Penitenciária possui melhor estrutura na parte de acautelamento e ressocialização dos presos. A partir do momento que vagas são criadas, o déficit diminuirá e ocorre o desafogamento das outras unidades. Essas vagas criadas são importantes, tendo em vista a meta do governo do estado de extinção das carceragens em delegacias”, disse Monteiro.

Comentários