Queda de frequência provoca desligamento de Angra 1

Nesta segunda-feira (19/01/2015), às 14h 49min, a Usina Angra 1 foi desligada automaticamente do SIN. O desarme do reator ocorreu devido à atuação do conjunto de equipamentos que o protegem.

Segundo a Eletronuclear,  a causa constatada foi uma forte queda na frequência do SIN.

A Usina operava normalmente quando houve a oscilação da frequência.

No momento, os técnicos estão trabalhando para restabelecer o sincronismo da unidade ao SIN.

O evento não ofereceu risco aos trabalhadores, à população e ao meio ambiente.

Comentários