Prefeitura de Angra se manifesta sobre inegibilidade de Tuca e Essiomar

Compartilhe!

A assessoria júridica do prefeito Tuca Jordão e do vice Essiomar Gomes informa que eles vão recorrer da decisão do TRE/RJ, que os torna inelegíveis por três anos. Segundo os advogados, a decisão em primeira instância favorável a Tuca e Essiomar, e a votação por 3 a 2 durante o julgamento de ontem, mostram que que há divergências sobre a questão.

Em relação às notícias divulgadas até o momento, a assessoria jurídica do prefeito informa que há um erro grave em praticamente todas elas. Ao contrário do que está sendo divulgado, Tuca Jordão não era o prefeito de Angra dos Reis no ano de 2007, quando foi contratada pesquisa pela Prefeitura de Angra.

Os advogados do prefeito também afirmaram estar confiantes em relação ao recurso que será impetrado, já que não houve nenhum tipo de ilegalidade na contratação da pesquisa realizada durante a campanha eleitoral de 2008.