Últimas noticias e informações sobre Angra dos Reis (Continente e Ilha Grande), Mangaratiba e Paraty.

Mulher é suspeita de assassinar o marido e tentar se matar em Angra

Na última quinta-feira, 21, uma mulher deu entrada no Hospital Geral da Japuíba, em Angra dos Reis, suspeita de matar o marido e tentar se matar na sequência. Segundo informações do 33ª Batalhão da PM, o crime ocorreu na residência do casal, na Rua Natalício Santos, na Japuiba. A unidade médica teria informado aos policiais que ela não correria risco de morte, mesmo com um pulmão perfurado.

Os PMs disseram ainda que quando chegaram no local do crime a mulher já tinha sido socorrida por uma equipe médica do Samu. Eles encontraram David morto, sobre um colchão, com um tiro no peito. Eles não foram informados sobre o motivo do crime, mas descobriram que Franciele deixou uma gravação no celular com a mensagem: “Deus os confortará”. Franciele enviou a mensagem para a sogra, logo após deixar o filho com ela. Em seguida, familiares ouviram os disparos.

A arma usada no crime, um revólver calibre 38, com a numeração raspada, foi encontrada embaixo do colchão onde estava o corpo de David.

Segundo informações do Diário do Vale, o delegado titular da 166ª DP, Bruno Gilaberte, disse que ainda não se pode afirmar que a mulher teria tentado se matar após atirar no marido. No entanto, o policial explicou que existe uma probabilidade dessa ter sido a dinâmica do crime, pelas circunstâncias de como ocorreram os fatos e devido à arma ter sido encontrada embaixo do colchão.

Seria uma situação improvável se a gente pensasse que algum assaltante invadiu o imóvel e esqueceu a arma embaixo da cama, mas a polícia ainda não tem plena convicção do que realmente ocorreu. Ela ter matado o marido e depois ter tentado se matar é a hipótese mais provável, mas a polícia está investigando. Eu ainda não posso afirmar sem qualquer sombra de dúvida que ela matou o marido – disse Gilaberte.

Comentários