Moradores do Abraão pedem saneamento e o fim dos alagamentos

O Programa Talk Show Nos Bairros, da Rádio Costazul Fm visitou esta semana a comunidade do Abraão na Ilha Grande, que reclama da falta de saneamento básico e de tratamento de esgoto na Alameda Meu Santo, transversal à rua Getúlio Vargas, uma das mais importantes da localidade. A Vila do Abraão tem cerca de cinco mil moradores e na temporada pode chegar à cerca de 20 mil pessoas.

Renato Aguiar ouviu o pastor Marcos Gomes que inclusive teve que criar uma barreira de contenção na frente da Igreja para que esta não fosse invadida pela água com esgoto todas as vezes que chove de uma forma mais intensa.

Elizangela Pereira, moradora no local reclama que os problemas podem ser resolvidos se o governo investir mais e ser feita uma limpeza do rio e equacionar o eterno problema da ausência de saneamento básico no Abraão.

Em resposta ao apelo dos moradores, o Sub-prefeito da Ilha Grande, Gesi Batista dos Santos, conhecido como “Mão Branca”, garantiu que até o momento não recebeu este tipo de reclamação dos moradores e frisou que “a sub-prefeitura esta aberta à todos.

Gesi destacou ainda que a partir do segundo semestre a Ilha Grande receberá recursos do Prodetur, (programa que visa efetuar o saneamento de parte da Ilha Grande) e que à partir deste momento, praticamente todos os imóveis do Abraão irão contar com tratamento de esgoto.

Na entrevista ao vivo, concedida por telefone, o sub-prefeito destacou ainda que a fiscalização é firme e cotidiana na Ilha Grande mesmo assim, é comum moradores não realizarem a canalização do esgoto como é necessário. O mesmo, segundo Mão Branca, acontece com o descarte do lixo. “Várias notificações já foram expedidas sobre esta questão” destacou. Ele lembrou ainda que parte do material termina dentro das valas e córregos obstruindo o fluxo da água e, na época de chuva forte, provoca a inundação e transtornos aos moradores.

[display_podcast]

Comentários