Festival Conexões acontece esse neste domingo em Angra

Vários grupos irão se apresentar no evento

Acontece neste domingo, 24, no espaço Le Partie, em Angra dos Reis, mais uma edição do Festival Conexões. O evento é um festival onde o diálogo entre a música e o público gera uma sinergia, possibilitando a conexão com o universo das sincronicidades entre tribos, raças, credos e idiomas; onde todos têm a mesma linguagem: a arte. Seu repertório musical, de músicos independentes, inclui uma grande diversidade integrando o tradicional e contemporâneo, onde são abordadas a música e suas conexões, com valorização das autorais.

Nesta edição o Conexões conta com Shows de Brenno Machado, a banda Tropicália, Camila Braz, o duo Feito Café, Anderson Oliveira, Vitor Conor, Ari Moreira, Sara Collins e Lincoln Glauber.

14h – Brenno Machado

Deu os primeiros passos na música na época da escola, em um coral e leva a música até hoje como sua maior paixão.

Tem uma levada pop rock muito parecido com bandas como LS Jack, Jota Quest e um som autoral diferenciado com composições que retratam os sentimentos do dia a dia com muita verdade.

14:40 – A banda angrense Tropicália, formada há 2 anos por 5 amigos loucos por música, viaja pelo rock, o pop rock e Blues. Tropicália leva ao Festival Conexões sua alegria e amor pelo que faz: muito som e música, e claro, muita loucura misturada.

15:20 – Atriz e agora cantora, Camila Braz vê a música como arte curativa. Seu primeiro contato com a música foi aos 11 anos, mas só agora resolveu apostar nesse caminho, com o intuito de levar um pouco de si ao próximo. Mesclando MPB, POP, Indie e Folk, costuma envolver seu público com a serenidade de sua voz. Seu primeiro Conexões foi em Paraty, no Hostel Luz do Sol e nessa segunda edição levará ao público suas típicas canções, proporcionando um aconchegante momento para todos.

16:10 – Café, o já conhecido som que acalenta como café quentinho mistura indie, pop e folk, com referências a trabalhos de Câmara Obscura, Belle & Sebastian, Jens Leckman, Marcelo Jeneci, Kid Abelha, Nando Reis e Simon & Garfunkel, nas vozes e ao som de Lê Pacheco e Hugo Oliveira. O duo, que lançou seu primeiro EP, “Barbacena” em março de 2018 participa pela primeira vez do Festival Conexões em uma agradável tarde, Feito Café.

17:10 – Anderson Oliveira é cantor, compositor e contador de boas histórias: assim, definimos o artista.

Natural de Guarujá, SP, Anderson iniciou sua vida artística no começo dos anos 2000. Instrumentos como cavaquinho, violão, ukulele, percussão e decamações de poesias fazem a vibe nos shows do artista. Tem um disco lançado em 2016: Simples Canção e recentemente lançou um novo single: “Uma Música Sem Nome ( Ô Ná Ná)”, com mais de 6 mil views no YouTube. O artista vem a Angra dos Reis pela primeira vez para participar do Festival Conexões.

18:20 – O londrinense Vítor Conor aporta em Angra dos Reis nos trazendo suas canções autorais que surfam pelo reggae e pop rock, reverenciando Natiruts, Armandinho, Raimundos, Charlie Brown, Paralalamas de Sucesso, Legião Urbana e Cazuza. Possui mais de 100 músicas escritas, algumas já musicadas. Em 2016, lançou seu EP “Híbrido” e atualmente tem feito parcerias com Ana Vilela. Vítor também é ator, tendo participado da novela Novo Mundo e atualmente está em Deus Salve o Rei.

19:30 – Ari Moreira descobriu seu talento aos 7 anos e aos 14 já cantava em eventos festivos. Além do canto também dança e é integrante do grupo de danças urbanas Arte Fênix. Seu repertório passeia pelos sucessos internacionais dos anos 80 e 90. O primeiro contato com o Festival Conexões foi no LePartie em participação especial ao lado do cantor Jonah. Logo depois, apresentou-se no Hostel Luz do Sol, em Paraty, onde teve boa recepção do público. Ari Moreira volta ao palco do Conexões dia 24/06 e promete animar a todos com seu repertório romântico e animado, arrojado e sutil, clássico e contemporâneo.

20:10 – Sara Collins foi uma mulher que viveu e morreu, no século XVII, durante a inquisição, por ser considerada bruxa. Atualmente, Sara Collins vive entre nós e estará presente no Festival Conexões, distribuindo simpatia e cor para todos os presentes. Seu show performático, com músicas animadas, mensagens divertidas e ao mesmo tempo críticas e de protesto garantirá momentos especiais de liberdade e reflexão e impressionará o público.

20:40 – LINCOLN GLAUBER – ator, cantor e compositor angrense, que já abriu shows da cantora Tiê, se encarregará de encerrar a noite com seu estilo transformador e ousado com canções autorais, que vai do Indie, MPB a Nova MPB.

Junto a muito som e música, o público poderá apreciar uma boa Gastronomia, com comidinhas e bebidas a cargo de Regis Sousa

Os ingressos, gratuitos, deverão ser retirados no site do Sympla.

Comentários