Essiomar se diz vítima de calúnias

Ex-vice prefeito de Angra e pré candidato à Deputado Estadual é acusado por dívidas da Santa Casa.

O ex-vice prefeito de Angra dos Reis, Essiomar Gomes, afirmou nesta quinta-feira, 07, que tem sido vítima de calúnias. Ele usou suas redes sociais para garantir que a informação de que seria responsável pelas dívidas da Santa Casa de Misericórdia de Angra dos Reis é falsa, que não possui pendências com a Justiça Eleitoral e garantiu que buscará reparação judicial contra os autores do boato.

Dívidas da Santa Casa

Sobre a intervenção na Santa Casa de Misericórdia, que aconteceu no período de três meses no qual assumiu o comando da Prefeitura de Angra dos Reis, o ex-vice prefeito da gestão Tuca Jordão (2009-2012), destacou que ela aconteceu por recomendação do Ministério Público (MPRJ).

Esta ação foi aprovada inclusive pelos próprios gestores da Irmandade da Santa Casa que participaram de todas as reuniões. Ficou decidido então que a prefeitura assumiria a dívida na folha deixada pela gestão da Santa Casa e a administração do hospital, isso no objetivo de que o Hospital e Maternidade Codrato de Vilhena não fechasse as portas prejudicando, assim, a população de Angra dos Reis e toda Região“, esclareceu Essiomar em seu perfil do Facebook.

Na época, a justificativa da intervenção foram “as investigações realizadas em inquérito civil, instaurado em 2008, visando a apurar as más condições de higiene da unidade hospitalar” e “em virtude dos problemas apresentados pelo hospital, que vinham causando a paralisação e o mau funcionamento dos serviços de saúde. Além disso, o Tribunal de Contas do Estado (TCE) também questionava a prestação de contas da unidade“.

O Promotor de Justiça Bruno Lavorato, subscritor da medida, destacava ainda que “o ato (Intervenção) se mostra urgente e necessário para resguardar o direito constitucional à saúde da população de Angra dos Reis, pois “a unidade hospitalar estava vivendo situação financeira e gestora lastimável, com a ocorrência de greves e falta de vagas para internações, de maneira corriqueira”.

Essiomar segue pré-candidato

Essiomar, pré-candidato à Deputado Estadual pelo PP, afirmou ainda que “suas contas estão em dia junto ao TRE, e que nada tem a temer ou deva à Justiça Eleitoral“.

Confira a nota de Essiomar

 

Esclarecimento Essiomar

Comentários