Últimas noticias e informações sobre Angra dos Reis (Continente e Ilha Grande), Mangaratiba e Paraty.

Eletronuclear se pronuncia sobre assalto de vigilantes das usinas

Assalto à vigilantes que trabalhavam no complexo nuclear aconteceu na última segunda-feira, 14.

Quatro dias após bandidos assaltarem seguranças que faziam a guarda da área do complexo nuclear de Angra dos Reis, a Eletrouclear se pronunciou sobre o caso. Na ocasião as armas dos vigilantes foram roubadas. Segundo a estatal, o crime aconteceu longe dos prédios onde acontece a operação das usinas.

“Assalto na área de propriedade da Eletronuclear

No último dia 14 de março, às 23h30, vigilantes da empresa terceirizada para fazer a guarda da área da Central Nuclear Almirante Alvaro Alberto, de propriedade da Eletronuclear, foram surpreendidos por cinco homens armados que estavam em três motocicletas.

Esses homens atacaram, primeiramente, o posto de segurança da Marina Piraquara, onde renderam o vigilante e a guarnição que fazia ronda, composta por mais dois guardas. Roubaram dois revolveres, colocaram os vigilantes amarrados no carro da empresa terceirizada e se dirigiram a outro posto de observação. Lá, renderam outros dois guardas dessa empresa, roubaram seus armamentos e fugiram abandonando o carro com os sentinelas amarrados.

Não houve vítimas fatais e os dois assaltos, apesar de terem ocorrido na área de propriedade da Eletronuclear, aconteceram longe dos prédios onde operam as usinas nucleares, não expondo a risco a segurança das mesmas.

As autoridades competentes foram, imediatamente, comunicadas.”

Comentários