Disque-Denúncia registra recorde em setembro

Com a ajuda da população, polícia e órgãos competentes combateram diversos tipos de crime

O Disque-Denúncia de Angra registrou em setembro um número recorde de denúncias recebidas. Em um mês, a população realizou 152 queixas sobre diversos tipos de crimes, principalmente tráfico de drogas (99), violações contra o meio ambiente (16) e porte ilegal de arma de fogo (7). As informações possibilitaram prisões e apreensões de drogas, armas, munições, carros, celulares, além do combate a crimes ambientais.

Os cidadãos ainda forneceram informações sobre crimes contra as Administrações da Justiça (7) e Pública (7), contra a pessoa (4), contra a criança e o adolescente (4), perturbação da ordem pública (3) e crimes contra o patrimônio (2).

Os bairros com o maior número de denúncias foram Belém (29), Centro (15) e Japuíba (11). Além dessas localidades ocorreram denúncias na Banqueta, Areal, Camorim, Frade, Monsuaba, Bracuí, Jacuecanga, Morro do Perez e Ilha Grande.

Em comparação com o mês de agosto, quando foram recebidas 120 informações sobre ações criminosas, setembro registrou um aumento de 26,7%. Em julho foram recebidas 94 denúncias, enquanto em junho foram 78 e, em maio, mês de implantação do serviço, foram 58.

Vale ressaltar que qualquer cidadão pode continuar colaborando com os órgãos de segurança pública do município acusando irregularidades através do número 0300 253 1177 (custo de uma ligação local) ou pelo celular através do aplicativo “Disque Denúncia RJ” onde é possível enviar fotos e vídeos. O anonimato é garantido.

Comentários