Últimas noticias e informações sobre Angra dos Reis (Continente e Ilha Grande), Mangaratiba e Paraty.

Conceição e Leandro já foram empossados

Agora é ela! Conceição Rabha (PT) está empossada. A partir de hoje, o município passa a escrever uma nova história, que tem como papel principal a primeira mulher eleita a prefeitura de Angra dos Reis. Como ator coadjuvante, Leandro Silva. O vice-prefeito mais novo no Estado do Rio de Janeiro. Juntos, a dupla que foi eleita com 52,42%, exatos 47.100 votos, fizeram o compromisso de fazer o governo da mudança.

A sessão solene que aconteceu no Iate Clube Aquidabã e foi presidida pelo vereador mais votado e sobrinho da prefeita, Jorge Eduardo Brito Rabha, o Macote (PMDb), contou com a presença dos 14 vereadores eleitos e o deputado federal Luis Sérgio, além de autoridades civis, políticas e eclesiásticas.

Em suas considerações, o deputado federal Luis Sérgio elencou realizações e obras feitas nos 12 anos de governo petista, e criticou o fato do ex-prefeito Tuca Jordão (PMDB) não estar presente na cerimônia. “Há 12 anos, o ex-prefeito Castilho estava presente na cerimônia de posse do seu sucessor por uma atitude de respeito”, proferiu, lembrando que por 12 anos o PMDB atribuiu todas as mazelas ao PT. “Passaram 12 anos cantando um samba de uma nota só. Foram 12 anos de um governo de maquiagem. Se Angra dos Reis tem um teatro municipal é porque o PT ouviu os anseios da população. A maquiagem vai embora com a água e a essência fica. Temos que recuperar a essência da cidade, e é por isso que Conceição Rabha foi eleita”, afirmou.

Em seu discurso, Conceição Rabha agradeceu o apoio da família, dos angrenses e das autoridades políticas. Sem citar o nome, afirmou que o ex-governante da cidade abandonou o município poucos dias antes de deixar o cargo oficialmente, e que está pegando uma prefeitura endividada e em frangalhos. “Ninguém duvide do grande desafio que temos. Esse governo tem de ter uma imensa dedicação e precisa atender à todos de forma igualitária. Este homem que abandonou o cargo há poucos dias de entregar, abandonou também o povo. Estamos recebendo uma cidade em frangalhos. A prefeitura está endividada e sem dinheiro”, disse. A prefeita ainda ressaltou que a Saúde e Educação serão os pilares do seu governo. “No meu governo, vamos dar atenção ao controle da ocupação desorganizada, investir nos pilares Educação e Saúde que são alvo de um plano político ousado. Nada de medidas mirabolantes. Apenas o trabalho árduo e pesado”, pontuou.

Finalizando, Conceição Rabha analisou os 12 anos em que a cidade foi governada pelo PMDB, e reafirmou que seu governo será para todos. “Por 12 anos seguidos, a prefeitura abriu mão do papel de indutora do desenvolvimento da cidade para o engrandecimento de poucos. Nestes 12 anos, diante da incapacidades dos administradores de procurar recursos, preferiram transforma a prefeitura em balcão de empregos para seus amigos. Esse modelo de governo que há 12 anos castiga a população finalmente terminou. A reconstrução de Angra dos Reis começa agora. Vamos começar um tempo de conquistas. Nosso governo não terá compromisso mal feito. Sou mãe de três filhos, e agora serei mãe de todos e guerreira para o futuro da cidade que eu nasci e que eu amo”. concluiu.

A Voz da Cidade

Comentários