Após protesto, Prefeitura anuncia reforço no policiamento da Serra D’Água

Guarnição do PROEIS mantida pela prefeitura começou a realizar rondas pelas comunidades nesta quarta-feira, 28.

Um dia após um protesto que fechou a RJ155, na altura do bairro da Serra D’Água, em Angra dos Reis, no qual moradores reclamavam da falta de segurança, a prefeitura anunciou que começou a realizar nesta quarta-feira, 28, rondas de patrulhamento na região, utilizando guarnição do Programa Estadual de Integração na Segurança (PROEIS), mantido pelo governo municipal.

Nos últimos meses esta parte da zona rural de Angra dos Reis chamou atenção por conta da insegurança. Na última semana, os vereadores Flavinho Araújo e Zé Augusto participaram de uma reunião no Ariró, na qual moradores relataram uma rotina de medo de assaltos e furtos. Nesta segunda-feira, 26, um homem foi baleado durante um assalto na RJ155, entre a Serra D’Água e o distrito de Lídice, em Rio Claro.

Segundo nota da prefeitura de Angra, além das rondas, nessa semana terá início uma obra, em parceria com a iniciativa privada, para a readequação do antigo Centro de Informações Turísticas (CIT), a fim de transformá-lo em um posto de segurança, que atenderá moradores e quen trafega pela Rodovia Saturnino Braga (RJ 155).

Reforço também na Garatucaia

Na próxima semana, o CIT de Garatucaia também passará por uma avaliação, que demandará obras de adequação, também em parceria com empresários, para transformar o espaço em um novo posto de segurança, dando andamento ao projeto Cinturão de Segurança.

Comentários