Últimas noticias e informações sobre Angra dos Reis (Continente e Ilha Grande), Mangaratiba e Paraty.

Angra terá Centro de Oncologia

Centro de Oncologia em 2015.

A Prefeitura de Angra, por meio da Secretaria de Saúde, está terminando o processo documental, para abertura do Centro Oncológico, que funcionará anexo à Santa Casa e será referenciado pelo Instituto Nacional do Câncer (Inca). O serviço será operado em parceria com o Hospital Jardim Amália (Hinja), de Volta Redonda, que presta o mesmo serviço para a região Sul Fluminense.
Pela parceria, a Prefeitura fez todas as obras de adequação e instalação, no valor de pouco mais de R$ 540 mil, e o Hinja disponibilizou equipamentos e mobiliário, além de funcionários. A expectativa de atendimento mensal é de cerca de 60 consultas ambulatoriais, 40 quimioterapias e 30 cirurgias para tratamento oncológico inicialmente.

A previsão é que a unidade entre em operação no primeiro semestre do próximo ano, após a visita da Vigilância Sanitária do Estado.

Com a vinda do centro, serão disponibilizadas ao tratamento dos pacientes atendidos pelo polo, áreas comuns ao hospital como Centro Cirúrgico, enfermarias, laboratórios, serviços de imagem e CTI (Centro de Tratamento Intensivo) e a área especifica para o serviço de Oncologia, contendo ambulatório, sala de aplicação de quimioterápicos e farmácia de manipulação de quimioterápicos.
A prefeita de Angra, Conceição Rabha, lembrou que no início das negociações, no ano passado, a primeira ideia era apenas abrir uma unidade do Hinja, mas a prefeita, após negociações que envolveram o Governo do Estado e o Ministério da Saúde, acabou conquistando Unidade de Assistência de Alta Complexidade em Oncologia (Unacon), que será referência para toda a região e disponibilizará serviços como quimioterapia, oncologia clínica e cirurgias oncológicas, com atendimentos por meio do Serviço Único de Saúde (SUS).

Para a abertura do Centro Oncológico, dentro do que preconiza o Ministério da Saúde, falta somente o credenciamento da unidade junto ao SUS, sendo que este é acompanhado de perto pelo corpo técnico da Secretaria de Saúde, para que o serviço seja implantado o mais breve possível.

Com o Centro de Oncologia, pacientes que hoje fazem o tratamento fora domicílio, terão amenizados os impactos das desgastantes viagens, na qual são submetidas para o tratamento. Além de Angra dos Reis, a unidade atenderá a pacientes da Costa Verde e após pactualização, poderá oferecer o tratamento a usuários de cidades da Baixa Fluminense. O serviço ficará a cargo do Hospital Jardim Amália, que possui anos de bons serviços prestados aos pacientes de tratamento oncológico.

Comentários